Produtor rural deve cadastrar área de soja até janeiro

 

O cadastramento obrigatório de áreas de plantio de soja da safra 2016/2017 deve ser realizado até o dia 10 de janeiro de 2017. A Iagro possui um sistema eletrônico, Saniagro, e o cadastro é realizado exclusivamente pela internet - www3.servicos.ms.gov.br/iagro_ferrugemdasoja - e serve para o controle de dados relativos ao agronegócio sul-mato-grossense.

 

Os produtores de Mato Grosso do Sul precisam utilizar o recurso para atualizar dados já cadastrados ou inserir novas informações e a ação é obrigatória, prevista na Lei nº 3.333, de 21 de dezembro de 2006, regulamentada pelo Decreto nº 12.657, de 24 de novembro de 2008. A norma prevê o vazio sanitário da soja e as medidas fitossanitárias de controle da ferrugem asiática. Ou seja, o cadastro é pré-requisito para a implementação das medidas de defesa sanitária vegetal em Mato Grosso do Sul.

 

Quem não atualizar os dados ou não se cadastrar pode, conforme a lei, pagar multa. De acordo com o chefe da Divisão de Defesa Vegetal de Mato Grosso do Sul, Filipe Portocarrero Petelinkar, a falta de conhecimento sobre a importância deste trabalho tem feito alguns produtores deixarem de repassar suas informações. “A medida é protetiva. Precisamos saber quais propriedades estão plantando soja para monitorar e evitar grandes problemas com a sanidade vegetal”, alertou Petelinkar.

 

Safra 2016/2017

A semeadura da safra 2016/2017 de soja chegou a 78,6% das lavouras do estado, de acordo com o Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (Siga MS), ferramenta desenvolvida pela Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS). A região sul é a que apresenta semeadura mais avançada, com 85,5% de área plantada, segundo levantamento divulgado no último dia 10. 

 

A região norte, até então com porcentagem média de semeadura abaixo das demais regiões, agora apresenta 70% das lavouras plantadas. Devido à falta de chuvas nas primeiras semanas do ciclo, o início do plantio no norte do estado começou mais tarde neste ano, no comparativo com o sul e o centro de MS.

 

Já a região centro está com 65,4% da semeadura finalizada. Estima-se que foi plantado um total de 1,980 milhão de hectares de soja em MS até o momento.

 

Até o momento, a Aprosoja/MS projeta aumento de 2,4% da área plantada em Mato Grosso do Sul, passando de 2,46 milhões de hectares na safra 2015/16, para 2,52 milhões de hectares na safra 2016/17. Além disso, também é projetado acréscimo de 2,4% na produção do grão, passando de 7,601 milhões de toneladas na safra anterior, para 7,787 milhões de toneladas nesta safra.

 

Por: Assessoria de Comunicação do Sinterpa com informações da Iagro e Aprosoja/MS

 

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Siga
  • Facebook B&W
  • Google+ B&W

Posts Sinterpa