Posts Sinterpa

Produtores de Deodápolis recebem informações técnicas para cultivo de milho


A Regional da Agraer de Nova Andradina realizou, em Deodápolis, uma reunião com produtores das Chamadas Públicas da Sustentabilidade e do Leite, para repasse de informações técnicas e a entrega de mudas de capins e sementes de milho para o plantio.


A presidente dos feirantes de Deodápolis, Clarice Gonçalves de Souza, ressaltou a grande importância da Agraer no apoio a produção de alimentos no município, como forma de desenvolvimento rural sustentável. Segundo ela, sem as orientações dos técnicos não seria possível começar qualquer atividade de diversificação na propriedade, além da qual já vinha realizando, como a produção de leite.


Além da entrega das sementes de milho, foram apresentados os métodos de cultivo do grão como preparo de solo e os controles fitossanitários no manejo, como controle de pragas e doenças com seus respectivos produtos para o controle.


Essa variedade pode servir tanto para semente, como meio de propagação para aumentar futuramente a área de cultivo, assim como grãos para comercialização, consumo in natura de milho verde na alimentação familiar e como fonte de renda advinda da propriedade, comentou Mario Viana, coordenador municipal da Agraer.


Segundo apresentou a miljca da agência de Deodápolis, se bem manejado, essa variedade pode chegar a uma produtividade de 10.000 kg por hectare advindo apenas de um saco de 20 kg, isso se for plantada nos meses de setembro a dezembro. Mas agora com o plantio da safrinha, essa variedade pode chegar a ultrapassar os 4.000 kg por hectare.


Durante a apresentação sobre o fornecimento do milho aos animais, o técnico Mario Viana atentou os produtores para o incremento de uma leguminosa como fonte de proteína, tornando assim um alimento mais completo, proporcionando maior produtividade de leite e carne, dependendo da raça e genética animal.


Foram apresentadas também as características agronômicas do milho variedade, para ensilagem, e assim servir como alternativa de alimentação no inverno para os animais. Além da cultura do milho, outra apresentação foi realizada pelo engenheiro agrônomo Douglas Pellin, sobre as variedades de capins BRS Kurumi e Capiaçú, desenvolvidas pela Embrapa. Muitos dos produtores presentes já receberam essas mudas e efetuaram o plantio para propagação dos mesmos e futuramente servirão de complemento na alimentação animal. Esse material está sendo cultivado em canteiros pela Prefeitura Municipal de Deodápolis, com a finalidade de multiplicá-lo e distribui-lo aos demais produtores, em parceria com a Agraer.


No final, os produtores foram orientados quanto ao acompanhamento do desenvolvimento das variedades no campo, para possíveis visitas técnicas com orientações para melhor manejo desse material adquirido.


Siga
  • Facebook B&W
  • Google+ B&W
Posts Recentes