Posts Sinterpa

Sinterpa adere à greve geral e participa das manifestações em Campo Grande


Nesta sexta-feira (28), trabalhadores de diversas categorias participaram da Greve Geral e das manifestações no centro de Campo Grande. Os manifestantes se reuniram na praça Ari Coelho, onde protestaram contra as reformas das leis trabalhista, previdenciária e das terceirizações, essa aprovada no último mês.


Muitos representantes dos servidores públicos estaduais também participaram do manifesto, dentre eles, o Sinterpa. Os cerca de 30 mil manifestantes, com faixas e cartazes contra as reformas, também saíram em passeata pelas ruas do centro de Campo Grande até chegar a praça do Rádio.


Nos discursos, todos os dirigentes sindicais eram unânimes em dizer que essas reformas representam o fim da aposentadoria e o retrocesso nos direitos dos trabalhadores conquistados por décadas através da CLT. Os sindicalistas também afirmaram que as manifestações servem para pressionar os parlamentares federais para que votem contrário à reforma.


“Não podemos permitir que rasguem a Constituição e a CLT e, muito menos, que o governo Federal trabalhe exclusivamente em prol do grande capital e cobre a conta do trabalhador. É preciso organizar a resistência e conscientizar a população sobre o brutal ataque aos direitos que vem sendo patrocinado pelo governo Federal. É preciso entender que as reformas prejudicam seriamente todos os trabalhadores do país", reforçou Edimilson Volpe, presidente do Sinterpa.


Depois da manhã de protestos, os dirigentes do Sinterpa também participaram da audiência pública, na Assembleia Legislativa, para debater os impactos das reformas da Previdência (PEC 287).


Por: Assessoria de Comunicação do Sinterpa


Siga
  • Facebook B&W
  • Google+ B&W
Posts Recentes