Posts Sinterpa

Drone auxilia no controle e prevenção de erosão nas propriedades rurais em Deodápolis


Com a expansão da cidade, os bairros de Deodápolis foram sendo construídos sem a infraestrutura adequada, como pavimentação asfáltica e drenagem das águas pluviais. Com as chuvas intensas e o declive das ruas, as enxurradas pegam velocidade e um grande volume de água adentra os lotes, provocando a chamada “voçoroca”.


Para amenizar este fenômeno, o escritório municipal da Agraer realiza um trabalho que vem contribuindo para controle e prevenção de erosão nas propriedades rurais vizinhas da cidade, que é o mapeamento aéreo das áreas afetadas com o auxílio de um drone, controlado pelo engenheiro agrônomo, Douglas Pellin.


“Com esse recurso, consigo mapear as áreas afetadas pela água das chuvas com fotos aéreas das propriedades. Ao realizar o processamento dessas imagens por um software, consigo delimitar a área total afetada, o volume de solo perdido ou depositado na propriedade, o índice de vegetação que ali persiste para o controle da erosão e a topografia do terreno”, disse Pellin.


Para melhor compreender os mapas, a imagem onde aparece coloração avermelhada na foto, representa a deposição de sedimentos advinda da voçoroca provocada pelas águas pluviais da cidade. As marcas vão se espalhando pela pastagem, prejudicando o desenvolvimento da forrageira e, consequentemente, diminuindo a oferta de alimento aos animais. Com a declividade do terreno sentido córrego, esses sedimentos estão se depositando no leito do mesmo e contribuindo com a aceleração do assoreamento.


Este tipo de monitoramento contribui para que o trabalho da Defesa Civil de Deodápolis fique mais robusto para a elaboração de um plano de trabalho preventivo, para controlar o dano já causado e prevenir maiores danos futuros, como a degradação das propriedades e assoreamento dos córregos próximos. “Após a elaboração de um relatório fotográfico, nós da Defesa Civil, com apoio da Agraer local, estaremos encaminhando a Defesa Civil nacional, e solicitando recursos para obras preventivas no controle de erosão”, relatou o Tenente Max.


Por: Assessoria de Comunicação Sinterpa com informações da Agraer Deodápolis

Fotos: Agraer Deodápolis