Posts Sinterpa

Equipe da Agraer leva técnicas de plantio de erva-mate à aldeia Taquaperi


Por meio do programa Erva-Mate, a Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) levou à aldeia Taquaperi, da etnia Guarani Kaiowá, em Coronel Sapucaia, uma oficina de introdução ao cultivo da erva-mate com aulas teóricas e práticas.


O Secretário de Agricultura de Coronel Sapucaia, Roberto Pereira, fez a abertura do curso, no Centro de Atenção ao Produtor. As aulas teóricas foram ministradas pelo pesquisador da Agraer Rogério Guerino Franchini, que abordou os seguintes temas: produção de mudas de erva-mate, plantio na técnica em campo e poda de formação ou poda na técnica. No período vespertino, o pesquisador demonstrou as técnicas ensinadas nas aulas na área da aldeia Taquaperi.

“A exploração da erva-mate constitui-se numa atividade agrícola de grande importância na região sul de Mato Grosso do Sul, devido às vantagens econômicas e sociais que ela proporciona, tais como a geração de emprego e renda para as comunidades locais, a preservação do meio ambiente e melhoria na qualidade de vida daquela população”, pontuou o coordenador regional da Agraer em Ponta Porã, Antônio Carlos Peixoto.


A oficina resulta da iniciativa da própria comunidade indígena que pretende iniciar a produção da erva-mate na aldeia e por isso solicitou o aprendizado ao coordenador do escritório local da Agraer, Emerson Moreira Batista.

O programa Erva-Mate deu início aos primeiros plantios em 2020 e continuou distribuindo mudas e a qualificação técnica para o plantio nos municípios da região sul da fronteira de Mato Grosso do Sul. O objetivo é fortalecer a cadeia produtiva da erva-mate no Estado nos próximos anos.


Texto: Fládima Chistofari/Assessoria de Comunicação da Agraer

Fotos: Escritório da Agraer de Coronel Sapucaia