Posts Sinterpa

Produtores de Angélica produzem melancia recuperando áreas de pastagens degradadas


Produtores rurais de Angélica estão realizando as reformas de suas pastagens através da integração lavoura-pecuária, introduzindo a cultura de melancia no município, seguindo as orientações técnicas da Agraer.


A área de plantio de melancias inicialmente chegou a 17,00 hectares, porém com o sucesso da produção que vem sendo comercializada no município e região, já se planeja a expansão das áreas. “A adoção da integração lavoura-pecuária por nossos produtores rurais vem ao encontro com o que preconizamos, pois além da recuperação de áreas com pastagens degradadas há anos, aumentamos nossa produção de frutas, reduzindo assim a necessidade de importação de outros estados”, ressaltou o engenheiro agrônomo e coordenador da Agraer de Angélica, George Pereira.


O produtor rural Carlos Henrique Milhorança também concorda com as vantagens: “Estou conseguindo reformar meus pastos para melhorar a minha produção pecuária e ainda obter lucro com a venda dos frutos. Pretendo dobrar minha área de rotação”.


O presidente da Associação dos Agricultores Familiares e Pequenos Agricultores de Angélica/MS, José Roberto Amate, comemora os resultados: “Estamos produzindo muito bem apesar da falta de chuvas. Conseguimos realizar uma meta traçada há meses, que era comercializar nossa produção diretamente aos consumidores, através da Feira da Municipal”.


O projeto foi desenvolvido inicialmente para os produtores de leite do município que fazem parte da Chamada Pública e já se expande aos demais proprietários interessados na adoção das técnicas.



Siga
  • Facebook B&W
  • Google+ B&W
Posts Recentes