Posts Sinterpa

Depois de protestos, governo oferece reajuste de 2,94%


Somente após os protestos realizados pelos sindicatos que compõem o Fórum dos Servidores Públicos do MS, o governador Reinaldo Azambuja apresentou uma nova proposta de reajuste salarial de 2,94% ao funcionalismo público. O anúncio foi feito em reunião realizada nesta segunda-feira, dia 3 de julho, com representantes de todas as entidades representativas dos servidores.


Devido ao baixo índice salarial, os líderes sindicais saíram muito insatisfeitos da reunião.


O anúncio inicial do Executivo era de “reajuste zero”. Os servidores amargam mais de 20% de perda salarial, pois há categorias que estão mais de dois anos sem reajuste.


O índice entraria em vigor a partir do mês de outubro, sem retroativo ao mês de maio - data base do funcionalismo público estadual.


A nova proposta será analisada em reunião do Fórum dos Servidores Públicos de Mato Grosso do Sul na próxima sexta-feira, dia 7 de julho. O indicativo de categorias como professores, policiais e profissionais da saúde é de greve unificada. A decisão será analisada nesta reunião com o Fórum e em assembleias de cada categoria.


Redução de carga horária

O Sinterpa também vai continuar negociando com o Executivo questões específicas da categoria, como a redução de carga horária nas agências da Agraer, de 8 para 6 horas diária. Esta é uma reivindicação antiga, já que a maioria dos servidores já cumpre carga horária de 6 horas.

Siga
  • Facebook B&W
  • Google+ B&W
Posts Recentes